MEC homologa parecer das Novas Diretrizes Curriculares para os cursos de Farmácia

O Ministério da Educação homologou o parecer do Conselho Nacional de Educação e Educação Superior CNE/CES nº 248/2017, que propõe as novas Diretrizes Curriculares Nacionais para os Cursos de Farmácia. A nova DCN deverá ser publicada em breve no Diário Oficial.

 

 

Leia também: CNE aprova novas DCNs do Curso de Graduação em Farmácia

Para a diretora de Educação da Fenafar e presidente da Escola Nacional dos Farmacêuticos, Silvana Nair Leite, a homologação da proposta mostra que o trabalho conjunto das entidades farmacêuticas, que buscaram de forma unitária e coletiva construir uma proposta consistente e consensual é o caminho para garantir conquistas efetivas.

O desafio agora, pontua Silvana, é a implementação das novas Diretrizes Curriculares Nacionais. “Precisamos iniciar um amplo processo de debate junto à categoria sobre o conteúdo nas novas DCN’s, para que essas diretrizes sejam interpretadas e aplicadas nas universidades públicas e privadas de norte a sul do país, levando em conta as várias particularidades dos cursos, as características regionais. Esse processo de transição é fundamental e precisa ser realizado com muito diálogo e acompanhamento”, avalia.

A Fenafar, que ao lado de outras entidades como a ABEF, o Conselho Federal de Farmácia, o Conselho Nacional de Saúde, sociedades e associações Científicas, Executiva Nacional dos Estudantes de Farmácia, profissionais, estudantes, gestores enfim, todos os que se envolveram na elaboração dessas novas diretrizes têm agora que se voltar para contribuir de forma dinâmica com esse processo de transição e implementação das novas DCN’s.

Da redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *