LIVE de lançamento do Observatório Farmacêutico Gaúcho

O Observatório Farmacêutico Gaúcho tem o objetivo de reunir informação e dados atualizados sobre atividade farmacêutica, desde os aspetos relacionados com a ciência, força de trabalho, prática profissional ou a formação dos farmacêuticos, realizar diagnóstico registrado da realidade, permitindo a construção de agendas unitárias de valorização da profissão farmacêutica e contra-ataques aos farmacêuticos, a assistência farmacêutica e a saúde.

Uma LIVE que será transmitida pelo Youtube da Fenafar será a oportunidade de apresentação do resultado parcial da Pesquisa sobre o Perfil dos Farmacêuticos e Farmacêuticas que atuam no Rio Grande do Sul.

Transmissão ao vivo

Assista a LIVE que será realizada no dia 01 de dezembro às 19h, para entender conhecer os dados preliminares e, se você for profissional atuando no Rio Grande do Sul e ainda não respondeu, entre no link e responda! (https://forms.gle/EVFvyZbz3kPsub6v5)

A pesquisa iniciada em setembro de 2022, pelo Sindicato dos Farmacêuticos do Rio Grande do Sul (Sindifars), juntamente com a Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar), desenvolvida pelo Departamento Intersindical Estudos e Pesquisas de Saúde e dos Ambientes de Trabalho (Diesat), ao qual o Sindifars está filiado desde janeiro de 2021, conta com o apoio do Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Sul (CRFRS).

Os resultados desta pesquisa servirão para ações do Sindifars, Fenafar, CRF/RS, além do Fórum Estadual de Valorização da Profissão Farmacêutica, bem como, subsidiar futuras parcerias com entidades, órgãos, universidades, dentre outros.

Para o colega responder ao questionário primeiro terá que aceitar o previsto no termo de consentimento que se faz obrigatório pelo nosso compromisso pela não identificação das pessoas e das respostas não serem individualizadas; ou seja, não será violado o sigilo.

Contamos com a participação dos colegas, respondendo o 1º questionário sobre o perfil das farmacêuticas e dos farmacêuticos que atuam no Rio Grande do Sul, que pode ser acessado no site do Sindifars.
Fonte: Sindifars

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *