; FENAFAR:: Federação nacional dos Farmacêuticos - Fenafar

Sidebar

11
Ter, Maio
19 Novos artigos

Notícias por Categorias

Mais um ataque avança contra o direito à saúde e ao trabalho dos farmacêuticos, por objetivar interesses  do mercado. Nos referimos ao projeto de lei nº 5363/2020, de autoria do Deputado Felício Laterça - PSL/RJ, que altera a Lei nº 5.991, de 17 de dezembro de 1973, para dispor sobre a assistência de farmacêutico de forma remota, e que avança na Câmara dos Deputados.

O Sindicato dos Farmacêtuicos de MInas Gerais entrará com ação para farmacêtuicos associados exigindo a recomposição das atualizações do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço.

A Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar), entidade sindical de 2º Grau, com 46 anos de atuação, com 23 sindicatos filiados, e que tem por princípios a defesa do trabalho dos farmacêuticos e dos interesses nacionais na área da saúde e do trabalho, com foco no acesso aos medicamentos, na assistência farmacêutica e na ciência e tecnologia, atua intensamente pelo fortalecimento dos sindicatos e a organização da categoria, para o cumprimento de nossas prerrogativas legais de serem as entidades com participação obrigatória nas negociações e na busca de conquistas trabalhistas para todos os farmacêuticos.

Em artigo, a Diretora de Organização Sindical da Fenafar, Débora Melecchi, fala dos dos impactos que decisões políticos tomadas pelo governo federal no curso da pandemia têm trazido para os trabalhadores, inclusive com consequências para as suas vidas. Leia abaixo.

O que já era ruim piorou muito diante da covid-19 e das mudanças no mundo do trabalho; o resultado é um país com uma legião de adoecidos que só cresce.

O diretor da Fenafar, Rilke Novato Públio participou, nesta quinta-feira (08) de Reunião Especial a convite da Frente Parlamentar Mista do Serviço Público (FPMSS) para discutir a PEC 30/2020 enviada pelo governo Bolsonaro. A proposta trata de medidas que vão além das mudanças de forma de contratação ou demissão de servidores públicos. 

O pote de ouro no final do arco-íris dos planos de saúde que operam no Brasil é o mesmo: apoderar-se do Sistema Único de Saúde, a maior conquista dos brasileiros. 100% dos empresários e entidades do setor “defendem” o SUS. Adoram “maior articulação” com  o sistema; um SUS “ integrado” aos planos de saúde. Porém, é uma falsa defesa. Não visam à saúde pública da população brasileira, mas bombar seus negócios privados. Veja na reportagem de Conceição Lemes.

Devemos apoiar o “waiver” da OMC e garantir imunização para as mais de 7 bilhões de pessoas. É isso ou teremos: Norte vacinado x Sul sem vacinas.

Governo norte-americano anuncia apoio à suspensão de patentes de vacinas contra a Covid-19. Tema vem sendo tratado pelo Parlamento brasileiro, que já enviou carta à OMC repudiando postura do governo Bolsonaro contrária à medida. O apoio dos EUA à suspensão de patentes é uma mudança histórica de posicionamento, já que o país sempre foi o mais ferrenho defensor de proteção intelectual, inclusive impondo sanções a vários países por desrespeito a patentes.

As direções sindicais reconhecem a importância de organizar mais mulheres, que ao ampliar a representação feminina também aumenta a agenda de demandas por justiça, mas ignoram as contribuições do feminismo na promoção das mudanças necessárias para a sobrevivência dos sindicatos.

Professora da Universidade Federal do Piaui há 50 anos, Socorro Cordeiro Ferreira tem sua vida dedicada ao ensino de Farmácia e a luta pela valorização da profissão farmacêutica. Dra. Socorro, como é chamada por todos, também deu seu talento para a luta da categoria, integrando a diretoria da Federação Nacional dos Farmacêuticos. Neste dia 08 de março, dia Internacional da Mulher, homenageamos a todas as farmacêuticas do país, com o exemplo de Socorro, laureada pela UFPI na semana passada.

O Secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, publicou no dia 27/07/2020, a Portaria nº 17.593, de 24 de julho de 2020, que dispõe sobre novos procedimentos para o registro de entidades sindicais. Veja análise jurídica de colaboradores do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar -DIAP.

ctbcntufndccnsubmcebesbaraoces

UA-480112034-1