MA: Trabalhadores da Extrafarma avaliam proposta da empresa em assembleia.

Assembleia convocada pelo Sinfarma, na última quinta-feira, 11, teve a participação de 105 farmacêuticos da rede Extrafarma para avaliar a proposta de Acordo Coletivo elaborada pela diretoria da empresa.

 

Na oportunidade, a proposta apresentada de reajuste salarial de 32% referente a 3 anos de salário “congelado” e a composição de jornada de trabalho de 44 horas semanais, sob regime de escala de 5 dias por 1, foi recusada por unanimidade pelos trabalhadores.

A assembleia entendeu que a jornada de 40 horas semanais deva ser plenamente mantida, conforme estabelecido pela Convenção Coletiva de Trabalho, e que uma contra-proposta mantendo o reajuste de 32% proposto pela empresa, porém com manutenção da jornada de 40 horas, deva ser apresentada.

O SINFARMA continuará prezando pelo diálogo com a empresa na busca pelo trabalho decente, valorização do farmacêutico e preservação da jornada de trabalho de 40 horas, conquista histórica da categoria.

 

Fonte: Sinfarma

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.