; 10 de maio é dia de sair às ruas em defesa da democracia - Fenafar

10 de maio é dia de sair às ruas em defesa da democracia

Movimento Social

De norte a sul do país irão ocorrer mobilizações no próximo dia 10. Atos, paralisações, debates serão organizados pelas entidades do movimento social brasileiro para mostrar que a sociedade não aceitará ataques aos direitos conquistados nos últimos anos e nem à democracia.

Com o objetivo de fortalecer a mobilização para o dia 10 de maio, a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), lança uma campanha de divulgação e disponibiliza os materiais da central.

Em artigo publicado no portal da CTB, o presidente da central, Adilson Araújo, analisa o difícil momento político brasileiro e convoca a sociedade a se mobilizar contra os graves ataques à democracia que vêm sendo perpetrados pelas forças conservadoras, protagonizados por “forças conservadoras”, capitaneadas pelos tucanos, que “contam com forte apoio em setores do Poder Judiciário e Polícia Federal, bem como a desavergonhada cumplicidade dos meios de comunicação monopolizados pela burguesia, sob a liderança da Rede Globo, próspero e diabólico rebento do regime militar”.

Adilson chama a atenção para as arbitrariedades cometidas, que rasgam a Constituição e ameaçam os “direitos fundamentais dos indivíduos” e que têm o objetivo de restringir a liberdade e a democracia e impetrar “ataques à soberania nacional com a entrega da Petrobras e do pré-sal e completa submissão a Washington, bem como a privatização da CEF e BB, a extinção de conquistas como a lei da valorização do salário mínimo, a reforma trabalhista com terceirização generalizada e a prevalência do negociado sobre o legislado”.

Neste sentido, o presidente da CTB conclama a todos e todas para saírem às ruas neste dia 10. Leia a integra do artigo de Adilson Araújo aqui.

Da redação com CTB
Publicado em 09/05/2016

Artigos

UA-480112034-1