; Fenafar e Sindicato em ação - Fenafar

Sidebar

1

A decisão do ministro Alexandre de Moraes concedeu parcialmente medida cautelar na arguição de descumprimento de preceito fundamental (ADPF)  nº 672 que foi apresentada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A Fenafar, a Abrasco e a Fundação PROAR pediram ingresso como “amicus curiae”na ação. 

Durante muitos anos, a categoria farmacêutica brasileira lutou para transformar a farmácia de um simples comércio num estabelecimento de saúde com prestação de serviços e não como simples local de venda de produtos. Esta luta, contou com a participação ativa da Federação Nacional dos Farmacêuticos (Fenafar) e de seus sindicatos filiados, como o Sindicato dos Farmacêuticos no Estado do Rio Grande do Sul (Sindifars). E foi preciso inclusive combater projeto de lei em tramitação no Congresso que entendia não ser necessária a presença e o trabalho do farmacêutico nos estabelecimentos de dispensação de medicamentos.

Mais Artigos...

UA-480112034-1