; Congresso Extraordinário prorroga mandato da diretoria da Fenafar - Fenafar

Sidebar

1

Congresso Extraordinário prorroga mandato da diretoria da Fenafar

Fenafar e Sindicato em ação

Nesta quarta-feira, 09 de junho, aconteceu o Congresso Extraordinário da Federação Nacional dos Farmacêuticos. Realizado em formato virtual, reuniu representantes de sindicatos filiados de todo o país para discutir Democracia, Saúde e Trabalho Digno. 

Convocado de forma extraordinária em função das restrições impostas pela pandemia, o Congresso é uma “construção coletiva entre a diretoria e os sindicatos”, destacou o presidente da Fenafar, Ronald Ferreira dos Santos, na abertura. “Neste momento em que nos encontramos em situação de luto, a vida exigi de cada um de nós a luta, a resistência. E foi neste espírito que a diretoria da Fenafar junto com os sindicatos convocou esse congresso extraordinário para viabilizar o debate e as questões da organização e luta da categoria farmacêutica”. 

Ele também prestou uma homenagem aos que perderam suas vidas. “A melhor homenagem que podemos fazer é reafirmar o compromisso de luta que nós aprovamos no nosso último Congresso em torno de vida digna, salário digno, em torno da democracia e da vida do povo e que nós trazemos como tema desse congresso extraordinário”, afirmou Ronald.

A mesa diretora do Congresso Extraordinário foi composta pelo presidente da Fenafar, pelo vice-presidente, Fábio Basílio, e pela secretária-geral, Maria Maruza Carlesso. 

Cerca de 100 pessoas participaram do Congresso Extraordinário entre delegados, observadores e convidados, que discutiram três pontos de pauta. 

O primeiro foi a palestra proferida pelo cientista social e Técnico do Diese, Douglas Ferreira, sobre Farmacêuticos e o Complexo Econômico Industrial da Saúde, que abordou entre outros aspectos, o impacto da pandemia e dos processos de automatização e digitalização nas relações de trabalho do setor. 

O segundo ponto de pauta foi a apreciação da solicitação de prorrogação do mandato da diretoria e o adiamento do Congresso da Fenafar, e o terceiro a deliberação da carta, de uma agenda com compromissos de luta do último congresso e atualizando com os desafios do momento.

A maioria dos delegados votou pela prorrogação do mandato e pelo adiamento do Congresso, conforme gráficos abaixo.

Ao final também foi aprovada um documento com a atualização da agenda de lutas e os compromissos da Federação até o próximo Congresso. 

Da redação
Publicado em 10/06/2021

UA-480112034-1